Menu de Navegação de Páginas

Grande oportunidade para quem quer começar a jogar World of Warcraft

Os gamers brasileiros que sempre ouviram falar de World of Warcraft, mas nunca tiveram a chance de jogá-lo, terão agora uma oportunidade para se juntar ao universo de mais de 10 milhões de jogadores ao redor do mundo.

Até 30/10, as versões digitais de World of Warcraft mais suas duas primeiras expansões, The Burning Crusade e Wrath of the Lich King, custarão ao todo R$ 9,90 para os brasileiros. Este combo é o mais indicado para quem nunca jogou World of Warcraft, pois possui tudo o que é necessário para dar os primeiros passos em Azeroth. Por esse valor, o gamer poderá avançar até o nível 80 do jogo e contar com todas as novidades gratuitas introduzidas pelo lançamento da última expansão do game, Mists of Pandaria, como a possibilidade de criar um personagem pandaren.

Para mais informações e para ter acesso à promoção, basta seguir as instruções do post publicado na comunidade oficial brasileira de World of Warcraft: http://us.battle.net/wow/pt/blog/7673330/. Para saber mais sobre World of Warcraft, acesse: http://us.blizzard.com/pt-br/games/wow/.

StarCraft II agora ilimitado

A Blizzard também preparou uma novidade para os jogadores de StarCraft II. A partir de hoje, todas as versões de 180 dias disponíveis nas principais lojas de todo o Brasil foram convertidas em ilimitadas, ou seja, pelo mesmo preço sugerido praticado desde o lançamento (R$ 49,90), o jogador leva para casa uma cópia física completa de StarCraft II: Wings of Liberty sem qualquer restrição de tempo. Aqueles que possuem cópias expiradas do jogo também se beneficiarão da mudança. Portanto, quem parou de jogar devido ao término da licença, agora pode retomar suas aventuras pelo setor Koprulu sem qualquer restrição de tempo!

Os detalhes deste anúncio estão no site oficial da comunidade brasileira de StarCraft II: http://us.battle.net/sc2/pt/blog/7673332/. Para saber mais sobre StarCraft II, acesse: http://us.blizzard.com/pt-br/games/sc2/.

henrigama

Editor, formado em Desenvolvimento de Jogos Digitais, porém está trabalhando em algo que não tem nada a ver com jogos. Teve seu primeiro contato com jogos através de um master system, e tenta se manter ao máximo conectado ao mundo de games. Joga de tudo, odeia preconceitos com “gráficos”, sonha em ter um quarto com todos os videogames possíveis e imagináveis, além de trabalhar em alguma grande empresa desenvolvedora de jogos.

Deixe o seu comentário, crítica ou sugestão !