Menu de Navegação de Páginas

Um site que leva a você tudo sobre o mundo dos Games!

Cards Against Humanity ganha versão brasileira

Cards Against Humanity ganha versão brasileira

Inspirado no jogo americano, Patuscada combina perguntas e respostas em que situações engraçadas, chocantes e até politicamente incorretas são a diversão

João amava Teresa que amava… Asfixia autoerótica?! Não é bem assim que o famoso poema segue, mas essa é uma dentre milhares de combinações oferecidas pelo Patuscada (www.patuscada.bar), jogo de cartas brasileiro inspirado no americano Cards Against Humanity, líder mundial de vendas da Amazon na categoria. Por meio da combinação de perguntas com as respostas mais esdrúxulas possíveis, a ideia é criar cenários absurdos, engraçados e até politicamente incorretos.
O jogo é indicado para grupos de quatro a doze pessoas. Cada um começa com 10 opções de respostas. Em turnos, os jogadores sacam uma carta da pilha e leem a questão para os amigos, que, em seguida, devem fazer uma combinação com as cartas que possuem. Quem fez a pergunta escolhe o cenário mais interessante, cômico, bizarro ou polêmico e o responsável por ele ganha um ponto. Ao final, quem pontuou mais é o vencedor. “Teoricamente, o jogo acaba após alguém fazer dez pontos, mas em geral as pessoas decidem continuar a brincadeira”, diz Raphael Teixeira, um dos criadores do Patuscada.
Raphael mora nos Estados Unidos e conheceu o Cards Against Humanity por lá. Para ele, o teor ácido do jogo funciona como uma ferramenta para perfurar a rigidez dos tabus norte-americanos e brincar abertamente com isso. “No Brasil, essa necessidade não existe e a irreverência de um card game semelhante encontra ressonância no nosso humor”, avalia.
Para trazer um gosto local ao jogo, as cartas do Patuscada são recheadas de referências à cultura, política e memes brasileiros – há planos, inclusive, de lançar expansões focada em particularidades regionais do país. E, em tempos de polarização ideológica exacerbada, vale destacar que há possibilidade de rir de quaisquer lados ou pontos de vista de maneira igual. “É um jogo polêmico, mas nossa ideia é criar um universo onde as pessoas, por um momento, se divirtam com um humor negro, sendo mais ácidas o possível”, afirma Raphael.
Patuscada tem 550 cartas – 90 de perguntas e 460 de respostas. O jogo custa R$ 99. Em fase de pré-venda, pode ser adquirido com 25% de desconto no site oficial por meio do código promocional ‘queropatuscada’.
Sobre o Patuscada
Jogo de cartas inspirado no Cards Against Humanity. Criado por um grupo de brasileiros, o Patuscada tem 90 cartas de perguntas e 460 cartas de resposta, e o objetivo é criar a combinação mais excêntrica possível, o que costuma resultar em cenários divertidos, ácidos e incômodos. O Patuscada faz parte do grupo Unikorn.www.patuscada.bar.
henrigama

Editor, formado em Desenvolvimento de Jogos Digitais, porém está trabalhando em algo que não tem nada a ver com jogos. Teve seu primeiro contato com jogos através de um master system, e tenta se manter ao máximo conectado ao mundo de games. Joga de tudo, odeia preconceitos com “gráficos”, sonha em ter um quarto com todos os videogames possíveis e imagináveis, além de trabalhar em alguma grande empresa desenvolvedora de jogos.

Leia também:

Deixe o seu comentário, crítica ou sugestão !